prótese do joelho

Por que existem tantos tipos de prótese de joelho


De fato, existem mais de 10 tipos de prótese de joelho. E aqui não estou falando de marca ou modelo, mas de tipo mesmo.

Do mesmo jeito que a roupa que usamos pra malhar é diferente da roupa que vestimos para ir a um casamento, a prótese deve ser diferente se for colocada numa pessoa que tem perda de osso maior do que 3cm, do que a colocada numa pessoa sem perda de osso por exemplo.

Não basta somente colocar uma prótese qualquer no joelho. Essa articulação possui mais de 10 ligamentos, é composta por 4 ossos, relaciona-se com diversos tendões e possui meniscos. A prótese deve levar tudo isso em consideração para que o joelho fique o mais próximo possível do normal.

Quanto menor a destruição no joelho, podemos colocar uma prótese com componentes menores e em menor quantidade, de modo que seu joelho, ao término da cirurgia, manter-se-á mais próximo de um joelho natural.

Por outro lado, quanto mais destruído seu joelho pela artrose ou por uma fratura gravíssima, mais componentes teremos que colocar na prótese para reconstruir a articulação perdida. Dessa forma, o joelho protético será menos natural.

Pensando nisso, foram desenvolvidas próteses que substituem somente o que é necessário, para evitarmos agressões desnecessárias. E é por isso que continuam os estudos para desenvolver próteses cada vez melhores e mais próximas de um joelho normal.

Caso você tenha indicação de realizar uma prótese de joelho, verifique com seu ortopedista especialista em joelho o tipo de prótese que se adapta melhor ao seu caso. Cuide-se e previna-se!

O Dr. Carlos Vinicius Buarque de Gusmão é ortopedista, especialista em Joelho, ondas de choque e Tratamentos Minimamente Invasivos (infiltração, denervação, PRP e Bloqueio dos geniculares) e atende em São Paulo, na Vila Mariana e no Morumbi. Se quiser tirar suas dúvidas, clique aqui

Dr. Carlos Vinicius Ortopedista SP

Sobre o Dr. Carlos Vinícius

O Dr. Carlos Vinícius é referência no tratamento por ondas de choque em São Paulo. Formado há mais de 10 anos pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), se especializou em cirurgia do joelho pela Universidade de São Paulo (USP) e finalizou seu doutorado em Ciências da Cirurgia também pela UNICAMP.

Saiba mais

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
Telegram
LinkedIn