ligamento cruzado anterior

O ligamento cruzado anterior de crianças é mais forte do que em adultos


Talvez este seja o motivo por que as crianças lesam menos o ligamento cruzado anterior (LCA) do que adultos, mas pode ser meramente por uma questão epidemiológica; i.e., os adultos estão mais expostos a esportes que provocam a lesão do LCA do que crianças.

De qualquer modo, é notória a diferença entre o esqueleto das crianças e dos adultos. Os adolescentes são um público a parte, porque podem ser mais crianças do que adultos e vice-versa. Isso variará conforme o desenvolvimento puberal do adolescente.

O LCA da criança é cerca de 25% mais resistente e 30% mais elástico do que o LCA adulto. Se for comparado com um idoso, é ainda mais. Essa propriedade biomecânica do ligamento acaba o protegendo de ruptura, mas deixa os ossos do joelho mais vulneráveis às fraturas por avulsão.

Nas crianças é bem mais frequente a fratura-avulsão da espinha tibial, que é uma região na epífise da tíbia (osso da perna) que é quase pontiaguda, por isso é chamada de espinha. O LCA está firmemente conectado nessa espinha; então, quando a criança faz um movimento que traciona o ligamento com força, ela puxa também a espinha tibial, que muitas vezes não aguenta e fratura.

Isso também pode acontecer no fêmur. É extremamente raro e parece que houve um descascamento do fêmur de tão pequeno e fino que é o fragmento; diferente da fratura-avulsão da tíbia, cujo fragmento é maior.

No adulto, as fraturas por avulsão podem acontecer também, mas são bem menos comuns. O mais comum é o arrancamento da espinha tibial junto com fraturas do planalto tibial, que é uma fratura dentro da articulação do joelho que envolve a tíbia. De qualquer modo, se acontecer em adulto ou em crianças, o LCA pode ficar alongado e deixar de funcionar adequadamente. Nesses casos, pode ser necessário tratar o ligamento futuramente.

Se você sofrer alguma lesão no joelho, não deixe de se consultar com um ortopedista especialista. Cuide-se! Previna-se!

O Dr. Carlos Vinicius Buarque de Gusmão é ortopedista, especialista em Joelho, ondas de choque e Tratamentos Minimamente Invasivos (infiltração, denervação, PRP e Bloqueio dos geniculares) e atende em São Paulo, na Vila Mariana e no Morumbi. Se quiser tirar suas dúvidas, clique aqui.

Dr. Carlos Vinícius Buarque de Gusmão 

Ortopedista Especialista em Joelho

CRM: 140.189 TEOT: 13.130 RQE: 58671

Dr. Carlos Vinicius Ortopedista SP

Sobre o Dr. Carlos Vinícius

O Dr. Carlos Vinícius é referência no tratamento por ondas de choque em São Paulo. Formado há mais de 10 anos pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), se especializou em cirurgia do joelho pela Universidade de São Paulo (USP) e finalizou seu doutorado em Ciências da Cirurgia também pela UNICAMP.

Saiba mais

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
Telegram
LinkedIn