artrose do joelho

Artrose do joelho: esse é o maior problema da lesão do LCA


O maior problema da lesão do ligamento cruzado anterior (LCA) não é ter instabilidade no joelho durante a execução de alguns movimentos. Também não é sentir dor ou ficar com o joelho inchado de vez em quando. O maior problema de sofrer a lesão do LCA é maior do que isso tudo e se chama artrose do joelho.

Quando você rompe o ligamento, não é só o ligamento que machuca. Outras estruturas do joelho também machucam, como a cartilagem, o osso e os meniscos. Esse conjunto de lesões provocam o envelhecimento precoce do joelho e resulta na artrose do joelho, que é, em outras palavras, o envelhecimento do joelho. Continue lendo o texto pra você entender como essas lesões envelhecem o joelho.


A instabilidade provoca artrose no joelho


Após a ruptura do LCA, o joelho fica mais frouxo. Chamamos isso de joelho instável, porque ele sai do lugar com movimentos que antes eram realizados normalmente. Ao sair do lugar, algumas coisas acontecem. Primeiro, que a tíbia (osso da perna) se choca contra o fêmur (osso da coxa). Esse impacto, que não ocorria antes, machuca a cartilagem, os ossos e os meniscos. Conforme a cartilagem, os ossos e os meniscos sofrem impacto, eles vão desgastando, até o ponto de serem destruídos. Toda essa destruição é a artrose.

Outras duas coisas acontecem: lesão dos meniscos, e lesão da cartilagem e dos ossos.


A instabilidade provoca lesão dos meniscos


Na ausência do ligamento cruzado anterior, outras estruturas precisam suprir a função dele. Estas podem ser outros ligamentos, tendões e os meniscos. Os meniscos são muito bons pra cumprir seu papel principal, que é basicamente amortecer o peso do corpo. Entretanto, não são tão bons pra fazer a função do LCA. Então, eles rompem muito mais facilmente quando estão exercendo a função do LCA.

Além disso, temos que nos lembrar que os meniscos já estão sendo sobrecarregados por causa dos choques entre os ossos do joelho (tíbia e fêmur) conforme comentei anteriormente. Por conta disso, os meniscos rompem e degeneram, acelerando o processo de destruição do joelho, que é a doença chamada artrose do joelho.


A instabilidade provoca lesão da cartilagem e dos ossos


A lesão do LCA modifica bastante a biomecânica do joelho, ou seja, a forma como o joelho se movimenta. Desse modo, a distribuição das forças que incidem sobre cada região do joelho modifica, gerando deformações na estrutura da cartilagem e dos ossos do joelho.
Como resultado disso, o joelho começa a ficar torto. Esse é um dos motivos por que o joelho de pessoas com lesão do LCA é torto pra fora, o que chamamos de joelho varo ou genovaro. O joelho torto também faz parte do processo de envelhecimento da articulação, que chamamos de artrose.


Por que é ruim ter artrose no joelho após lesão do LCA?

Mesmo que seja uma artrose no joelho leve, ela diminui muito sua qualidade de vida. Primeiro, porque você começa a sentir dor em atividades que normalmente eram executadas normalmente. Assim, aquele campeonato, maratona, pelada do fim de semana, ou outro esporte com maior intensidade começa a se tornar custoso, doloroso. E com o tempo, atividades mais simples como se levantar da cadeira se tornam dolorosas.

Segundo, porque a artrose te deixa com inflamação crônica. Seu joelho vira e mexe fica inchado e doloroso, e às vezes, fica quente. Esses sintomas diminuem a mobilidade do seu joelho e você perde a capacidade de agachar ou de esticá-lo completamente.

Terceiro, porque surgem deformidades no joelho. Na maioria das vezes, ele fica torto em varo. O fato é que isso não é um mero problema estético: antes fosse! A deformidade do joelho diminui a função do joelho. Com isso, você precisa de maior esforço pra andar, correr, saltar, etc. E quanto maior o esforço dispensado, mais cansado você fica e mais dor você sente porque está “forçando” mais um joelho doente. Viu por que é importante tratar o LCA adequadamente? Consulte-se com um ortopedista especialista. Cuide-se e previna-se!

Dr. Carlos Vinicius Ortopedista SP

Sobre o Dr. Carlos Vinícius

O Dr. Carlos Vinícius é referência no tratamento por ondas de choque em São Paulo. Formado há mais de 10 anos pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP), se especializou em cirurgia do joelho pela Universidade de São Paulo (USP) e finalizou seu doutorado em Ciências da Cirurgia também pela UNICAMP.

Saiba mais

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
Telegram
LinkedIn