tendinite

Quais as causas, sintomas e tratamentos da tendinite crônica?


Um problema muito comum, a tendinite é um problema que surge em pessoas que realizam movimentos repetitivos, sobrecarregando assim os tendões, gerando assim uma inflamação na região. Essa doença é conhecida pelas dores fortes e limitação de movimentos, e se não tratada corretamente pode se tornar tendinite crônica e até necessitar de cirurgia.


Tendinite crônica: entenda mais sobre essa doença


A tendinite é uma condição que pode ocorrer com qualquer pessoa e em qualquer idade. Geralmente ocorre em tendões de joelhos, ombros, cotovelos, pés e tornozelos e é causado por esforços repetitivos. As principais vítimas dessa dolorosa doença são praticantes de atividades físicas como musculação, crossfit, futebol, vôlei, entre outras. Outros públicos também podem ser acometidos pela doença, como cozinheiros, dançarinos, pianistas e profissionais que trabalham no computador. Quer saber mais sobre as causas, sintomas e tratamentos da tendinite crônica? Confira:


Afinal, quais as causas da tendinite crônica?


Os tendões possuem grande importância no corpo humano, auxiliando no processo de transmissão da força dos músculos para os ossos. Sendo assim, estão submetidos a estresses mecânicos e tração durante grande parte do tempo. Quando, por algum motivo os tendões sofrem constante tração e estresse repetidos e intensos, eles podem sofrer degeneração, fissuras e a tendinite, que é a inflamação.

Com o passar do tempo, infelizmente os tendões perdem elasticidade e esse fator também pode facilitar o surgimento da tendinite crônica. Sendo assim, movimentos repetitivos e a idade avançada são as causas desse problema.




Quais os sintomas da tendinite crônica?


Os sintomas que marcam essas doenças são a dor que pode irradiar para os músculos próximos, inchaço no local e a dificuldade, ou até mesmo a incapacidade, de fazer movimentos no local afetado. Se, por exemplo, a pessoa tiver tendinite nos joelhos ela não consegue caminhar corretamente e nem realizar os movimentos que antes estava acostumada, como correr ou dobrar a perna. Caso o paciente apresente vermelhidão e aumento da temperatura no local da suposta tendinite, desconfie de infecção ou de inflamação mais grave (por exemplo, a tromboflebite).


Como diagnosticar e tratar a tendinite?


O diagnóstico da tendinite crônica, na maioria das veze, não requer nenhum exame sofisticado. A anamnese (entrevista clínica) e o exame físico realizados pelo especialista são suficientes para diagnosticar o problema. Além do exame físico, o médico irá perguntar sobre o histórico do paciente e atividades realizadas com o intuito de investigar se a tendinite foi causada pelo trabalho ou esporte, por exemplo.

Infelizmente, a tendinite crônica não possui cura, mas existe tratamento para tornar os sintomas mais brandos e diminuir a chance de ruptura do tendão. O tratamento pode ser cirúrgico em casos refratários; ou conservador (não cirúrgico), como o tratamento por ondas de choque, a ingestão de analgésicos, repouso moderado e fisioterapia, que apresentam resultados satisfatórios em mais de 90% dos casos.


Conte com Dr. Carlos Vinícius


Está com sintomas de tendinite no joelho e impossibilidade de seguir seu cotidiano? Faça os exames diagnósticos e marque uma consulta! Com mais de 10 anos de atuação, Dr Carlos Vinícius possui experiência comprovada e métodos de tratamento inovadores referendados pela literatura médica especializada. Entre em contato!

Compartilhe:

Facebook
WhatsApp
Telegram
LinkedIn